Leitura

David, embora perseguido por Saul, ao ter conhecimento da morte deste, fez por ele grande lamentação, bem como pela morte do seu filho Jónatas, que a David estava ligado por profunda amizade. A sua lamentação é um poema em forma de elegia, exemplo clássico deste género literário.

À Noite

Senhor, hoje bateram-me à porta a solicitar aquele favor. Disse que não. Obrigado por, depois, me inspirares a acabar por fazer o que, antes, recusara. Ajuda-me a dizer que sim, por mais que me custe ou repugne, quando se tratar da execução de um serviço benéfico para os que dele vão tirar proveito. Será este, amanhã e para continuar, o meu programa e de-terminação: servir, gratuitamente, como Tu, que não vieste para ser servido, mas para servir e dar a vida pelos pecadores. Pai Nosso...

À Tarde

“Quando souberam disso, os parentes de Jesus saíram para agarrá-lo, porque diziam que estava fora de si.” (Mc 3, 21) Tantas vezes perdemos a paciência, saímos do nosso eixo e somos levados pela raiva, ira, rancor. Agradeça a Deus por sua história e peça forças para continuar na missão.

De Manhã

Querido Pai, sei que nunca Te esqueces de mim. Agradeço o modo como me olhas e me acompanhas ao longo de todo o dia. Ajuda-me a conseguir colocar-me no lugar do outro e perceber o seu ponto de vista. Assim, serei capaz de não criticar negativamente, de não avaliar erradamente as situações que, à partida, não compreendo. Ofereço-Te o meu dia, com todos os seus desafios, pela Igreja e pelas intenções do Papa Francisco para este mês Pai Nosso...